Pastor Brunson acaba de ser solto e estará em casa em breve, diz Trump

Notícia
Espaço entre linhas+- ATamanho da letra+- Imprimir


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, comemorou em sua conta no Twitter a libertação do pastor americano Andrew Brunson, que estava na Turquia. Brunson foi hoje considerado culpado de apoio a organizações terroristas em solo turco, mas o tribunal considerou que ele já havia cumprido a pena, libertando-o e liberando-o para viajar de volta para casa. "O pastor Brunson acaba de ser solto, estará em breve em casa!", afirmou Trump.

Mais cedo, o presidente americano comentou que fazia orações pelo pastor, esperando que ele voltasse para casa em breve. Em mensagem anterior de hoje, Trump disse que vinha trabalhando duro no caso.

Notícia



Ministro saudita chama assassinato de jornalista de "enorme e grave erro"

O ministro das Relações Exteriores da Arábia Saudita, Adel al-Jubeir, chamou neste domingo o assassinato do jornalista Jamal Khashoggi no início do mês no consulado saudita em Istambul de "operação desonesta" e "aberração"...