Após cobrança, Erik promete empenho para tirar Botafogo da má fase

Notícia
Espaço entre linhas+- ATamanho da letra+- Imprimir


Um dia depois de o vice-presidente Gustavo Noronha admitir atraso no pagamento dos salários e exigir esforço dos jogadores, o atacante Erik prometeu empenho para acabar com a má fase no Botafogo. "Esse grupo se dedica nos treinos e jogos. A sorte vai começar a olhar para o nosso lado", declarou o jogador.

O atacante acredita que os bons resultados vão começar a surgir novamente no domingo, às 11 horas, no estádio Engenhão, quando o adversário será o América Mineiro, pela 25ª rodada do Brasileirão. "A gente vem trabalhando no dia a dia, procuro ficar após o treino para aprimorar. Está faltando aquela última bola."

Apesar das críticas por parte dos torcedores, Erik diz não se sentir pressionado. "Os momentos difíceis sempre foram de muitas críticas por onde passei e isso é normal", afirmou o jogador, que admitiu uma cobrança interna. "Temos 14 jogos decisivos e precisamos pontuar o máximo possível."

Na expectativa de um bom público para incentivar o time no domingo, a diretoria botafoguense definiu que o preço dos ingressos vai variar entre R$ 5,00 e R$ 20,00. O América soma quatro pontos à frente do rival carioca na tabela (30 a 26).

O técnico Zé Ricardo demonstrou durante o treino desta terça-feira pela manhã que poderá fazer duas alterações na equipe. O meia Leo Valencia e o lateral-direito Luis Ricardo devem entrar no time titular. Marcos Vinícius e Renatinho, recuperados de contusão, foram reintegrados ao grupo.

Notícia



Pacquiao dá 'aula' de boxe a Broner e pede revanche contra Mayweather

Aos 40 anos, Manny Pacquiao deu uma "aula" de boxe a Adrien Broner, 11 mais jovem, neste domingo, no ringue do MGM Hotel, em Las Vegas, e manteve o cinturão dos meio-médios, versão Associação Mundial de Boxe (AMB)...