Xangai relaxa restrições contra covid-19

Notícia
Espaço entre linhas+- ATamanho da letra+- Imprimir




Taipei, 15/05/2022 - Supermercados, centros comerciais e restaurantes vão reabrir com restrições em Xangai, na China, a partir de amanhã (16), segundo anunciou a vice-prefeita Chen Tong. Ela não esclareceu, porém, se os cidadãos de Xangai - em quarentena desde o fim de março - poderão sair de suas casas.

Mercados agrícolas também poderão reabrir, embora com medidas para que as transações sejam feitas "sem contato humano". Os restaurantes reabrirão apenas para oferecer comida para viagem.

O departamento de transporte de Xangai alertou que o metrô seguirá fechado. Não se sabe quando esse serviço será retomado. Os moradores de Xangai aguardam tensos para saber como as novas medidas serão aplicadas. Embora o confinamento coletivo tenha começado oficialmente em março, há moradores que estão isolados há mais tempo.

Os cidadãos que receberam permissão para retornar ao trabalho foram colocados em um "sistema fechado" semelhante ao usado para as Olimpíadas de Inverno de Pequim, em fevereiro. Isso significa que eles não podem voltar para suas casas, mas devem morar em seus escritórios.

A China relatou hoje 1.718 novos casos de covid-19 transmitidos localmente, embora a grande maioria dos infectados estejam assintomáticos.

(Com Associated Press)

Notícia



Massacre em desfile de 4 de julho foi 1 dos 4 ataques a tiros no feriado dos EUA

O massacre que deixou seis mortos em Highland Park, nos arredores de Chicago, foi o mais letal, mas não o único caso de violência armada durante os festejos da Independência dos EUA, em 4 de julho...