Chuvas: Bolsonaro deve se reunir com Guedes para tratar da liberação de recursos

Notícia
Espaço entre linhas+- ATamanho da letra+- Imprimir


O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta terça-feira, 28, que deve se reunir amanhã com o ministro da Economia, Paulo Guedes, para tratar da liberação de recursos para os Estados prejudicados pelas chuvas.

"Amanhã vou ter espaço com o Paulo Guedes, talvez a gente libere aqui o fundo de garantia, o que for possível. A gente vai atender o que for possível, pode deixar", disse Bolsonaro em resposta a uma apoiadora do Espírito Santo, um dos Estados mais prejudicados pelos temporais.

Bolsonaro destacou que as Forças Armadas atuam nas regiões mais críticas e que o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, esteve nas áreas mais atingidas.

O governo disponibilizou R$ 90 milhões para as ações de socorro, assistência e reconstrução em todo o País e aguarda o pedido dos Estados com Planos de Ação para a reconstrução. No domingo, 26, o governo reconheceu de forma sumária situação de emergência em 47 municípios de Minas Gerais. Estado de calamidade já havia sido reconhecido em quatro municípios do Espírito Santo. Belo Horizonte e Contagem também já estavam listadas como em situação de emergência.

O presidente retornou ao Brasil nesta manhã após viagem à Índia. O chefe do Executivo ressaltou o seu rápido retorno ao País. "Eu nunca fiz escala para dormir, a gente não gasta dinheiro e chega mais cedo no Brasil", disse.

Notícia



Paraguai investiga se líder do PCC mandou matar jornalista por vingança

Um líder da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) teria mandado matar o jornalista brasileiro Lourenço Veras, que mantinha um site de notícias em Pedro Juan Caballero, na fronteira do Paraguai com o Brasil, segundo autoridades paraguaias...